Educação Condutiva - com amor

Quero escrever sobre Educação Condutiva porque me apaixonei por este método, cheio de amor, que tem atendido aos meus filhos com p.c. Quero descrever o que tenho estudado, aprendido, escutado e sentido ... Tenho a vontade de abraçar o mundo e fazer com que todas as crianças na mesma condição motora de meus filhos, tenham a chance de receber toda esta inteligência, técnica, forma de agir, pensar e sentir, que com todo carinho o Dr. Andras Peto deixou de herança.

Tuesday, March 15, 2011

Compaixão

Compaixão é transbordamento de amor.

Força eu tenho, positividade também. Como um tsunami que veio e foi rapidinho, fiquei amortecida por um período: sem sentir dor, nem raiva, nem alegria e nem amor. Fiquei impermeável, deixei os sentimentos aflorarem. Com as leituras que tive, momentanemanete perdi minha compaixão.

Meu papel está presente: ser mãe verdadeiramente. Sentir, viver, perdoar, amar. Sem máscara alguma para me relacionar com o tempo. Nem botox, nem silicone. Sou eu verdadeiramente como sou.

Agradeço aquele que vê meus defeitos. E me diz. Agradeço aquele que espelha para mim o que não vejo. Me mostra o que me incomoda. Me mostra a forma que me expresso. E assim me enxergo, me aceito, me curo.

Pela luz: obrigada, merci bien, thank you, gracias.

2 Comments:

Blogger Maria Helena Andrade said...

Todos os dias quando ligo o computador, tem coisas que faço automaticamente: ler as notícias, ver meus emails, ver se meus filhos estão online e visitar seu blog. A cada nova postagem sua, aprendo um pouco mais. E fico com uma vontade de dizer o quanto te admiro e que tudo vai ficar bem... Cada dia melhor.

8:38 PM  
Blogger LeticiaBúrigoTK-1288 said...

Maria Helena,

Que delícia escutar as tuas palavras de vida. Cada dia melhor!

Pois afinal, a tempestade já passou...

Com amor,
Leticia

7:36 PM  

Post a Comment

<< Home